Apoio da comunidade permitiu investimento em tecnologia na Santa Casa Fernandópolis

Por meio de campanha, foi possível a troca de servidor em uso há dez anos.

As doações recebidas por meio da campanha “Doe pela Vida!”, realizada em março deste ano, permitiram que a Santa Casa Fernandópolis utilizasse parte dos recursos para investir em um novo servidor, equipamento crucial na vida do Hospital e atendimento aos pacientes, já que gerencia todas as etapas do processo de atendimento dos pacientes.

“O Hospital necessitava, o mais urgente possível, da substituição do servidor de seu sistema de informação principal. Devido ao tempo e deterioração o antigo servidor já não tinha mais desempenho e capacidade suficiente para processar as inúmeras requisições de forma satisfatória. A atualização de peças e componentes se tornava inviável devido ao tempo e o avanço tecnológico”, afirma Tiago Montini, coordenador do Departamento de Tecnologia da Informação da Santa Casa Fernandópolis.

O servidor é responsável por armazenar e gerenciar todos os dados de atendimento, resultados de exames, prontuários, receituários, fichas médicas e cadastros dos pacientes. A aquisição foi realizada com foco em substituir o antigo servidor que já vinha apresentando falhas devido ao funcionamento interrupto há mais de 10 anos, chegando, em alguns momentos, a paralisar temporariamente algumas atividades que impactam diretamente no atendimento da Santa Casa.

Com a aquisição do novo equipamento, os problemas que a Santa Casa enfrentava com a lentidão e o travamento nos processos e fluxos de trabalho, como na prescrição médica e na dispensação de materiais e medicamentos para pacientes foram solucionados, possibilitando implantar e automatizar os processos que ainda são feitos de forma manual.

“Graças ao sucesso de campanha, pudemos investir na compra de diversos equipamentos, como os elmos respiradores, que eram o foco inicial, mas também em outros materiais de grande relevância para salvar vidas, tais como ventilador pulmonar e monitores multiparâmetro e o servidor, que é o coração do Hospital. Essa aquisição possibilitará que, em breve, implementemos o prontuário eletrônico do paciente”, explicou o administrador judicial, Marcus Chaer.

CAMPANHA

A campanha de “Doe pela Vida!”, promovida pela Santa Casa Fernandópolis, foi realizada durante o mês de março e arrecadou R$ 161.538,32 que foram destinados diretamente à instituição por meio de uma vaquinha virtual e de doações na conta corrente aberta exclusivamente para a ação, com o objetivo inicial de arrecadar R$ 50 mil reais para a compra de capacetes elmos, mas que também possibilitaram o investimento em equipamentos e materiais.

TRANSPARÊNCIA

O relatório da campanha, com a listagem das doações recebidas, está disponível no site do Hospital na Página da Transparência (www.santacasafernandopolis.com.br/transparencia).

 

ANY ANDRADE – Estagiária de Jornalismo

Author Info

Assessoria de Comunicação

Dener Bolonha - Jornalista MTE 67.400/SP